Motor de indução – rotor bobinado e gaiola de esquilo

Existem dois tipos de motores de indução (assíncronos) trifásicos:

  • Motor de indução trifásico, rotor tipo bobinado (motor de anéis):

No rotor tipo bobinado, o rotor é envolvido por um enrolamento isolado semelhante ao enrolamento do estator. Os enrolamentos de fase do rotor são conduzidos para o exterior através de três anéis coletores montados sobre o eixo do rotor. O enrolamento do rotor não é ligado a nenhuma fonte de alimentação.

Os anéis coletores e as escovas tem a função de ligar o rotor com as resistências variáveis externas, que possuem o objetivo aumentar a resistência do rotor durante a sua partida. Além disso, as resistências variáveis permitem o controle de corrente no rotor e a velocidade do motor. Ao atingir a sua velocidade normal, os enrolamentos são curto-circuitados e então, o funcionamento passa a ser semelhante ao de um rotor tipo gaiola. Por essas razões, o motor possui um conjugado de partida elevado e baixa corrente de partida.

  • Motor de indução trifásico, rotor tipo gaiola (rotor curto-circuitado):

Neste tipo de motor, a gaiola é composta por barras geralmente de alumínio, latão ou cobre, e anéis de curto circuito. As barras e os anéis formam uma peça única, ligadas com o pacote magnético do rotor. Por causa destas características, a união entre as barras e os anéis acabam formando uma espécie de gaiola, justificando a referência de sua denominação. Não há necessidade de isolamento entre as barras e o núcleo pois as tensões induzidas nas barras do rotor são muito baixas.

Aplicações E Planos De Manutenção:

  • Equipamento utilizado em grande escala nas indústrias;
  • Programas de manutenção desenvolvido a partir avaliação de

custo-benefício e os impactos de uma falha em serviço;

  • Desenvolvimento de estratégia de manutenção:

Fazer uma relação com todas as aplicações usando o motor com equipamento de referência;

Analisar a lista e atribuir categorias para cada aplicação do motor;

Crítico:

Alto custo na perda de produção, grande preocupação com segurança e risco ambiental se o motor falhar;

  • Importante , custo alto de reparo, perda da redundância ou impacto ambiental se o motor falhar;

Não crítico:

não tem impacto na produção, segurança e meio ambiente se o motor falhar.

O programa de manutenção para cada categoria de motor deve ser baseado na alocação de melhores recursos para os motores críticos. Para cada categoria, se necessário, devem incluir o monitoramento on-line, ensaio off-line e inspeção visual com frequência de atividades.

Cases de Motores de Indução

Benefícios da Manutenção Preditiva

10/07/2021|0 Comentários

A manutenção preditiva consiste no monitoramento periódico das condições do equipamento, proporcionando informações a partir da análise dos dados coletados. Através deste monitoramento, a gestão da manutenção pode ser capaz de antever possíveis falhas e
LEIA MAIS

Gostaria de receber conteúdos exclusivos sobre máquinas elétricas ?

A Nishi é especialista no reparo e na manutenção do seu equipamento há mais de 70 anos.
Cadastre seu e-mail e receba todas as novidades do setor.